Accepted paper:

Trajetos na busca de um santo em Portugal: olhares a São Sebastião

Authors:

Hélcio Medeiros (Universidade Federal Do Rio Grande Do Norte)
Luiz Assunção (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)

Paper short abstract:

Busca-se construir uma trajetória, um percurso que encontre os elementos simbólicos constitutivos das linguagens comunicativas que foram incorporadas pelas tradições advindas de Portugal descobrindo as conexões entre a festa no Brasil dedicada à São Sebastião.

Paper long abstract:

Não é de hoje que pesquisadores de vários países se deslocam de seus contextos locais em busca de elementos que liguem e revelem os traços comuns que configuram identidades, tradições e construções imaginárias da vida social em outras realidades transnacionais. Busca-se construir uma trajetória, um percurso que encontre os elementos simbólicos constitutivos das linguagens comunicativas que foram incorporadas pelas tradições advindas de Portugal descobrindo as conexões entre a festa no Brasil dedicada à São Sebastião, especificamente localizada em um bairro da cidade de Natal, e as tradições populares das festividades públicas e religiosas em Portugal.

Não é só a língua que apresenta diferenças quando nos movemos no espaço cosmopolita e transnacional. Existem outros elementos como o clima, o fuso horário, os hábitos e tradições culturais, a arquitetura, o sistema viário e a própria geografia do lugar. O que produz e estabelece conexões ou interações é justamente o que Michel Agier (2011) chama de partilhar o sentido em jogo na situação, ou seja, experienciar e compreender a realidade.

Nestes trajetos descobre-se o que é comum, o que se entrecruza, sem desconsiderar o que é diferente. As festividades públicas a São Sebastião e outros santos em Portugal apontam para uma diferença entre as festas no Brasil, quer no ritual, nas performances, na estética e nos elementos característicos das tradições religiosas que as configuram. As marchas e cortejos têm identidades iguais às procissões religiosas vivenciadas pelos brasileiros.

panel P34
Cidades em movimento: reconfigurações identitárias em espaços de mobilidade (PT/ES/EN)